Investigação Amorosa

Superando a traição do meu marido.

É um prazer poder escrever sobre tudo o que me aconteceu a alguns anos. Pois, é incrível a maneira, como vejo tudo hoje em dia.

Admito que, a algum tempo atrás, eu estava convencida de que, nunca mais ia ser a mesma pessoa, depois de descobrir que meu marido me traia, com a minha irmã. No entanto, os caminhos tortos, nos levam de volta ao caminho que devemos trilhar.

E acredito que isso tenha acontecido comigo. Eu precisava me casar, eu precisava ter visto a vida daquela forma, para só então, crescer e poder estar onde estou hoje.

Se você ainda não leu nenhum texto…

Saiba que eu fui uma das clientes do detetive Edson Frazão, e hoje me sinto muito bem para falar do caso, que me aconteceu a alguns anos, onde ele me ajudou a descobrir que meu marido me traia. E na época, eu era totalmente dependente do meu marido, emocionalmente e financeiramente.

Infelizmente, esta é a razão para muitas mulheres não se divorciarem. A gente acaba, confiando em uma pessoa, que jura nos proteger, e nos cuidar. E acabamos abrindo mão de nossa independência, para realizar o sonho de ambos, e acabamos ficando reféns de situações, como infidelidade.

Mas, eu não queria conviver com meu marido, e a sua amante. Então, me mexi para mudar minha vida. E como eu fiz isso? De onde eu tirei forças, e motivação? De mim mesma. hahahahahaha. Se você se encontra, na mesma situação que eu, ou similar. Não espere, que uma pessoa caridosa, vai aparecer e amenizar as suas dores.

Pois, isso não vai acontecer. Uma mulher traída, é um fardo para muitas pessoas, mas não podemos deixar que sejamos este fardo para nós mesmas. Portanto, irei contar o que eu fiz. E como me tornei uma mulher muito mais feliz hoje.

A minha recuperação

Procurei ajuda na religião, para ter forças, para fortalecer meu espírito e ir a luta por mim mesma. Mas acredito, que esta questão seja algo muito pessoal de cada um. E não há problema algum, se você não decidir seguir este passo, e se for o caso, pulamos para a minha próxima etapa.

Eu precisava sair da casa da minha mãe. Quando pedi o divorcio, não pedi nada a meu marido, só o que era meu direito, vendemos o apartamento, vendemos todas as coisas, e dividimos. Ele insistiu, que não queria terminar, mas eu não queria mais.

Então comecei a pensar no que eu queria fazer, no que eu ia trabalhar, para conseguir me manter em outro lugar. Pois, apesar da minha mãe me apoiar muito, ela ainda era mãe da minha irmã. Ela condenou a ação dela, mas não deixou de ser sua mãe, e a presença de minha irmã ainda me deixava muito aborrecida.

Logo, dei conta de iniciar um curso de maquiagem na minha cidade, e enquanto eu fazia o curso, já me oferecia para maquiar as pessoas, e cobrava 25 reais.

Com o tempo fui me aperfeiçoando, e me lançando, no mercado. E hoje uma maquiagem comigo, não sai por menos de 150 reais.

Outro dia, posso falar mais, sobre como meu ex marido está hoje.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *